CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Diàrio Recôndito e Poesia
O Jornal das Palavras - Fundado em 10/10/2017.
Meu Diário
11/04/2018 21h21
ROSEANI FAVERO: “Arrumando a casa”


Rosiane Favero - rosifavero@live.com


“Arrumando a casa”


​​​​​
Tão importante como o vestir-se e adornar-se, é a maneira como “vestimos” a nossa casa. E como arrumamos, perfumamos, protegemos, higienizamos e zelamos por ela, é o que nos difere uns dos outros. Cada qual a sua maneira, faz da sua, uma extensão de si mesmo. Concorda? A começar pelo nosso guarda-roupa. Você já deu uma olhadinha no seu? Cada um de nós, obviamente tem uma forma de deixá-lo em ordem, para depois encontrar mais facilmente aquilo que quer vestir. As roupas poderão ser separadas por prateleiras, cores, texturas, cabides, e ainda, alguns de nós poderá preferir organizar as roupas em araras. Por sinal, um jeito mais despojado, prático e barato. Ótimo. Contudo, na vida existirá sempre algo maior para nos nortear. Alguns chamam de regra, outros de direcionamento, valores, princípios, leis, enfim. Num ponto podemos concordar; todos nós temos um jeito próprio e característico de arrumar a casa. Mas...há um outro ponto que também podemos concordar. Para que ela funcione, há que se observar um princípio básico, que é comum a todos. Tendo como finalidade o bom funcionamento da mesma, sendo uma extensão da nossa vida. Assim, também é com a nossa nação, para que possamos viver e conviver em harmonia. Cada um de nós é livre para escolher a sua roupa, arrumar a sua casa, fazer as suas escolhas. Desde que, se respeite aquelas “regrinhas” básicas que são comuns a todos que formam uma sociedade organizada, justa e próspera Já dizia a minha querida e saudosa avó “se quer conhecer alguém, peça para ver o seu guarda-roupa. ” É...poderemos nos surpreender!

“Ninguém quer uma casa em desordem, não é? ”
(by Rosiane Favero)


Coluna escrita Segundas e Quartas.


Publicado por Diário Recôndito e Poesia em 11/04/2018 às 21h21
Copyright © 2018. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.