CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Diàrio Recôndito e Poesia
O Jornal das Palavras - Fundado em 10/10/2017.
Textos

Em minha própria mente - Por Ricardo Oliveira
Mencionei teu nome...
Em minha própria mente.
E juro que tento esquecer,
Mas nada funciona.
Finjo não te lembrar,
Só o coração pede para viver...
Viver contigo no ar.
No ar de meu intimo,
No qual quer ter sentimentos.
Fico pensando comigo,
Devo está louco e incoerente,
Pois não é certo o que faço,
Nem é lógico traçar metas,
Para te encontrar no meu espaço.
O espaço é infinito,
E não cabes nele, meu abrigo!
Contudo, acabo entrando com o recurso,
Para driblar os “nãos” que me assolam,
Trazendo-te para um mundo inesquecível.
Ó doce visão!
Vês o que eu não desejo,
Na simplicidade de minha alma,
Revelas o principio das flores,
E como elas exalam o tão fino perfume,
Quando eu andava pelas estradas.
Meu proposito é de só ter ideias,
E delas criar algo novo.
Apenas te ter na imaginação,
Como um dom vindo urgente.

23/11/2017.
Diário Recôndito e Poesia
Enviado por Diário Recôndito e Poesia em 23/11/2017
Copyright © 2017. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários